Brasil&Italia
Regolamento in italiano | Regulamento em português |  Modifica profilo | Topics attivi (3) | Membri | Utenti Online | Statistiche | Cerca | Domande ricorrenti (faq) | Leggenda Avatar



Nome utente:
Password:
Salva password
Hai dimenticato la password?
 
Seleziona la Lingua

 Tutti i forums
 CULTURA
 Città del Brasile e d'Italia
 RIO DE JANEIRO
 NUOVO TOPIC? |  RISPONDI AL TOPIC? |  Bookmark Topico |  Modalità stampabile
Autore Previous Topic Topico seguente pagina  

federico
Admin

Status: offline


2189 Posts

Alert Moderator

Spedito - 02/05/2003 :  13:29:53  Mostra profilo  Membro Maschio  Clicche per sapere la MSN! di federico  Rispondi con citazione
[aivai]

http://transito.rio.rj.gov.br/

Câmeras no trânsito de Rio de Janeiro

 Moderatore VIP

n/a_
Member

Status: offline


100 Posts

Alert Moderator

Spedito - 29/08/2003 :  15:16:50  Mostri Il Profilo  Rispondi con citazione
O charme da Cidade Maravilhosa

O Rio oferece um espetáculo de paisagens naturais e atrai turistas do mundo inteiro. Confira vídeos
O Rio de Janeiro atrai, há décadas, turistas de todo o mundo e não perde o status que conquistou de Cidade Maravilhosa. O Pão de Açúcar e o Cristo Redentor, lugares que fazem do Rio um grande pólo turístico, dividem atenções com as belas praias e até mesmo com as favelas nos morros, que também são uma atração para os estrangeiros que visitam a cidade.
No Carnaval, a invasão dos turistas é ainda maior. As imagens do tradicional desfile das escolas de samba são transmitidas para todo o planeta. Sua orla é uma das mais conhecidas do mundo, com praias como Copacabana e Ipanema, imortalizadas nas letras das músicas de Vinícius de Morais e Tom Jobim, entre outros amantes do sol carioca.


O Rio foi a capital do Brasil até a construção de Brasília, concluída em 1960, e ainda mantém aspectos coloniais na arquitetura da cidade. Os morros, tomados pela favela, mostram outra paisagem, que consegue viver harmoniosamente nesse cenário contrastante.



RIO DE JANEIRO

Principais praias




Praia de Copacabana

É muito difícil para quem visita o Rio resistir ao apelo de seus 80km de praias. E Copacabana, com a belíssima calçada da Av. Atlântica em mosaicos pretos e brancos, formando as famosas ondas, é a principal responsável por tamanho fascínio. Na verdade são duas praias: Leme e Copacabana, que ocupam uma extensão de 4,15km.
Freqüentada tanto de dia quanto à noite, a praia possui quiosques, ciclovia, bicicletários, postos de salvamento com chuveiros e sanitários, hotéis, bares e restaurantes. A praia também tem dois Fortes Militares, um em cada extremidade, com vistas panorâmicas e abertos à visitação.

Praia da Barra da Tijuca

A extensão, em torno de 18km, é o que mais impressiona nesta que é a maior praia do Rio. De águas esverdeadas e límpidas, e com uma formação de ondas bastante peculiar, a Praia da Barra da Tijuca é uma das mais procuradas pelos praticantes de surfe, windsurf, bodyboarding e pesca de beira. Com muitos bares, quiosques e restaurantes, a Barra tem atraído um número cada vez maior de visitantes.

Praia de Ipanema

Talvez ainda mais irresistível do que a musa que inspirou a canção "Garota de Ipanema", que a imortalizou, Ipanema é, sem dúvida, um ponto de encontro famoso do Rio de Janeiro. Sofisticado e com uma intensa vida noturna, o bairro é um feliz encontro de praia, bares e lojas comerciais.

Atração permanente durante o dia, a praia também recebe um sem-número de freqüentadores durante a noite. São pessoas que caminham, praticam esportes, confraternizam nos quiosques tomando água de coco, pedalam pela ciclovia, enfim, aproveitam a iluminação especial do lugar para espairecer e relaxar. A verdade é que a alma do carioca mora em Ipanema, e o visitante, ao andar pelo calçadão e suas ruas, é imediatamente contagiado por esse espírito.

Maracanã

O estádio do Maracanã é um dos pontos mais conhecidos da cidade do Rio de Janeiro. Inaugurado para a Copa do Mundo de 1950 (quando o Brasil foi derrotado pelo Uruguai), o estádio já recebeu visita do papa João Paulo II, assistiu aos shows do americano Frank Sinatra e do inglês Paul MacCartney e o milésimo gol de Pelé entre outros eventos.
Hoje, 51 anos após a inauguração, o Maracanã é considerado um dos maiores templos do futebol mundial, tanto em histórico no esporte quanto em capacidade para acomodar torcedores: são 180 mil lugares. Batizado com o nome do jornalista Mário Filho, irmão do célebre Nelson Rodrigues, o estádio é, sem dúvida, um dos maiores cartões postais da Cidade Maravilhosa.

Cristo Redentor




De braços abertos, do alto dos 710 metros de altura do morro do Corcovado, o Cristo Redentor é atração para qualquer turista que passeie pelo Rio de Janeiro. O passeio começa na estrada do Cosme Velho, onde um antigo trenzinho apanha os turistas para levá-los até o alto do morro.



Lá de cima, aos pés do Cristo, a visão dos bairros de Copacabana, Ipanema, Leblon, Jardim Botânico, o Jockey, a Lagoa, o Maracanã é uma das lembranças que o turista não pode deixar de levar do Rio de Janeiro.

Floresta da Tijuca




A maior floresta urbana do mundo, com cerca de 3,2 mil hectares, fica bem no meio da cidade do Rio de Janeiro. Um verdadeiro refúgio do cotidiano da segunda maior metrópole do Brasil, a floresta mescla centenas de espécies da fauna e da flora só encontradas na Mata Atlântica (muitas em processo de extinção).
Recantos internos da floresta são pontos que o turista não pode deixar de visitar. A Cascatinha, a Capela Mayrink, o Mirante Excelsior, o Barracão, a Gruta Paulo e Virgínia, o Lago das Fadas e o Açude da Solidão, pontos freqüentados por famílias inteiras nos fins de semana.

Pão de Açúcar

Outro dos mais visitados pontos do Rio de Janeiro é o Pão de Açúcar. O passeio no Bondinho até o morro da Urca e, depois, até o alto do Pão de Açúcar é uma das atrações mais requisitadas da Cidade Maravilhosa. A visão do alto do morro explica o motivo do apelido da cidade.
A mata tropical, as praias do Rio e de Niterói, além de edificações históricas como o Forte de Santa Cruz e a Ilha Fiscal ajudam a tornar inesquecível a visita ao Pão de Açucar.

Principais museus

Museu Histórico Nacional

Fundado em 1922, por ocasião das comemorações do Centenário da Independência do Brasil, está instalado, desde então, no histórico conjunto arquitetônico da Ponta do Calabouço. Este conjunto, constituído por diversos prédios e vestígios arquitetônicos, está situado no mais antigo sítio da cidade do Rio de Janeiro, cuja ocupação remonta a 1567, quando a cidade, recém-fundada, foi transferida do morro Cara-de-Cão, na Urca, para o morro do Castelo.
Mais informações:


Horário: Terça a Sexta-feira, das 10h às 17h30 - Sábados, Domingos e Feriados das 14h00 às 17h30

Endereço: Praça Marechal Âncora, 15A - Castelo

Telefone: 0xx21 550-9220

Museu da Imagem e do Som

O Museu da Imagem e do Som tem como objetivo preservar e divulgar a história e a vida do Rio de Janeiro. O visitante pode ter contato com uma variada coleção de discos, livros, fotografias e depoimentos gravados, além de uma enorme documentação sobre a música brasileira popular e erudita.

Mais informações:


Horário: Segunda a Sexta, das 13h00 às 18h

Endereço: Praça Rui Barbosa, 1

Telefone: 0xx21 262-0309

Museu de Arte Moderna - MAM

O museu foi construído entre 1953 e 1968. Os jardins de Burle Marx são notáveis, em particular o jardim dos fundos, feito só de pedras porosas, que absorvem a umidade do mar, evitando assim que as obras sejam danificadas. O acervo compõe-se de esculturas modernas, pinturas, desenhos, gravuras, entre outras importantes obras. Há também duas bibliotecas, cinemateca, centro de documentação e referência de artes plásticas e exposições temporárias.


Mais informações:


Horário: Terça a Domingo, das 12h às 18h

Endereço: Av. Infante D. Henrique, 85

Telefone: 0xx21 210-2188

Museu Nacional de Belas Artes

Criado em 1937, o Museu está instalado no edifício da antiga Escola Nacional de Belas Artes. Seu estilo neoclássico foi uma das marcas da abertura da Avenida Central, hoje Rio Branco. Em seu acervo encontram-se obras de arte brasileira do século XVIII ao século XX e peças de autores estrangeiros entre pinturas, esculturas e desenhos. Também possui coleção de arte popular que atesta diversos aspectos regionais do país, coleções de imagens e medalhas, arte africana e mobiliário além de salas para exposições temporárias.


Mais informações:


Horário: Terça a Sexta, das 10h às 18h, Sabádos e Domingos, das 14h às 18h

Endereço: Av. Rio Branco, 199

Telefone: 0xx21 240-0068
Go to Top of Page

n/a_
Member

Status: offline


100 Posts

Alert Moderator

Spedito - 28/11/2003 :  10:26:26  Mostri Il Profilo  Rispondi con citazione
RIO DE JANEIRO


Con l’inaugurazione di Brasilia, Rio de Janeiro cessò di essere la capitale del Brasile, ed ancora oggi si discute se essa sia stata avvantaggiata oppure danneggiata dal trasferimento degli uffici governativi; comunque, Rio rimane il maggiore centro culturale, turistico e commerciale del Paese.
Soffusa di una bellezza maestosa, Rio de Janeiro giace adagiata tra una stupenda baia dalle spiagge incantevoli e una catena di impervie montagne, coperte da lussureggianti foreste tropicali.
Questo panorama unico fa di Rio una delle più belle città del mondo, tanto da giustificare la qualifica di “Città Meravigliosa”. La vita culturale di Rio è varia e intensa.
Dal punto di vista economico, la città rappresenta un notevole centro di servizi ed un importante mercato finanziario. Essa ospita inoltre industrie per la produzione di generi alimentari, di materiale per costruzioni, di apparecchiature elettriche, di prodotti chimici e farmaceutici, di bevande e tessili. Le famose spiagge di Copacabana e Ipanema, la splendida baia, una delle più incantevoli al mondo, l clima meraviglioso, un misto di estate e primavera, fanno di Rio de Janeiro la città che vive nel sole e per il sole.

IL CARNEVALE

Le regioni del Carnevale si fanno risalire ai riti della Primavera presenti nell’antica tradizione greca romana. Durante il Medio Evo, la Chiesa cattolica cercò di sopprimere tutte le tradizioni e festività pagane, ma avendo fallito completamente lo scopo per quanto riguardava il carnevale, preferì incorporarlo nel suo calendario liturgico come periodo di ringraziamento. Alcuni stati europei, ed in particolare in Francia, Spagna e Portogallo, avevano l’abitudine di festeggiare il ringraziamento dando feste, mascherandosi e danzando nelle strade. Le tre potenze coloniali portarono con se nel Nuovo Mondo questa tradizione, che però arrivò in Brasile con una differenza sostanziale. Non solo i portoghesi avevano una particolare propensione per il divertimento sfrenato (essi introdussero nel Paese l’ “entrudo”, uno scherzo dove i partecipanti si lanciano in faccia acqua, farina, cipria e tante altre cose), ma ad esso fecero partecipare anche gli schiavi negri. Questi presero ad imbrattarsi la faccia di farina, ad utilizzare vecchie parrucche o camicie usate dei padroni e a darsi alla pazza gioia
per tre giorni. Durante i giorni della celebrazione, alcuni padroni arrivavano persino a dare completa libertà ai loro schiavi, i quali solo raramente coglievano l’occasione di fuggire.
Sino al 1840 durante i tre giorni che terminavano con il mercoledì delle ceneri, le strade della città brasiliane erano teatro di ogni eccesso, la gente mascherata lanciava bombe e liquidi maleodoranti, anche gli incendi erano considerati una forma di divertimento. Nel 1840, la moglie italiana di un albergatore di Rio cambiò per sempre la celebrazione del carnevale mandando degli inviti, assumendo dei musicisti, importando bandierine e coriandoli e dando un elegante ballo mascherato. In pochi anni i balli mascherati divennero di moda e scomparsero dalle strade gli scherzi di dubbio gusto.
Oggi, Rio de Janeiro ospita il più grande e famoso Carnevale del mondo, in cui la Parata delle scuole di samba costituisce l’avvenimento più colorito. Le scuole di samba che prendono parte alla sfilata sono formate in maniera prevalente da gente povera che vive nell’immensa periferia della città. Ad ogni carnevale le scuole di samba di Rio gareggiano tra loro e ogni singolo aspetto della loro partecipazione è valutato da una giuria. Ogni scuola di samba organizza la sua presentazione intorno ad un tema centrale, che alcune volte è costituito da un fatto o personaggio storico, altre da una storia o leggenda della letteratura brasiliana. I costumi si ispirano sempre al luogo e al periodostorico del tema prescelto e, mentre i motivi del samba lo sviluppano musicalmente, il grande carro carnevalesco lo racconta nei più piccoli dettagli.



Go to Top of Page

italioca
Member

Status: offline


453 Posts

Alert Moderator

Spedito - 28/11/2003 :  11:54:26  Mostri Il Profilo  Membro Maschio  Inviar un messaggio AOL! per italioca  Rispondi con citazione
Rio !
Non ci dimentichiamo della spiaggia di GRUMARI, cara ai surfisti, a chi vuole fuggire dal caos di Rio, a chi vuole deliziarsi con una ottima cucina di pesce e a chi ama il nudismo ( da poco è stato autorizzato in una piccola ma stupenda insenatura di Grumari.

Ricorderei anche il Museo di Arte Contemporanea di Niteroi ( M.A.C.) che si staglia, sull'altro lato della baia, proprio difronte al Pao de Açucar, come un grosso fungo o, meglio, come un enorme disco volante.

Nella Rio alternativa mi piace segnalare il PISCINAO DE RAMOS: trattasi di una piscina enorme ( pari a 20 campi di calcio ). costruita sulla spiaggia di Ramos, quartiere di Rio ubicato difronte all'Aeroporto Internazionale.
Essendo la spiaggia situata nella parte più interna della baia di Guanabara, e pertanto fortemente inquinata, si è avuta la stupenda idea ( peraltro adesso copiata da altri rioni ) di costruire questa immensa piscina che consente a tantissima popolazione carente di avere una spiaggia attrezzata a portata di mano.

Un salto lo farei nel quartiere VILA ISABEL (vicino al Maracanà), dove, oltre al Boulevard 28 de Septembre, interessante per i marciapiedi disegnati con note musicali, vi è una piazza con un monumento particolare : rappresenta un bar all'aperto con un tavolino, un cameriere attento a servire, due sedie, sU di una vi è seduto una persona intenta a comporre musica ed a bere ( trattasi del grandissimo poeta di musica popolare brasiliana NOEL ROSA ) e sull'altra sedia, vuota, puoi sederti per immortalare con una foto questo momento.

E non è finita, perchè sulla piazza stessa si affaccia una chiesetta stilizzata con un grattacielo altissimo.
Ma da un più attento esame ci si accorge che la chiesetta altro non è che una stazione di sollevamento di acqua potabile ed il campanile nasconde il relativo serbatoio.

Ritengo questa una idea favolosa degli architetti brasiliani.
Sempre su questa piazza si affacciano vari locali dove si mangia benissimo, si ascolta ottima musica e si beve, forse, il miglior chopp( birra alla spina ) di Rio.

Non dimenticatevi che LAPA con la miriade dei suoi locali vi aspetta a notte.

E' meglio fermarmi, altrimenti vi faccio addormentare.

un salutone
ITALIOCA
 Membro VIP Go to Top of Page

enzino
Training

Status: offline


698 Posts

Alert Moderator

Spedito - 28/11/2003 :  12:09:32  Mostri Il Profilo  Membro Maschio  Inviar un messaggio AOL! per italioca  Rispondi con citazione
Bella zio ma quante ne sai.....quando arrivo a febbraio ci andiamo a bere un bel chopp nel posticino che hai citato??????

Ciao e stammi bene...

Un saluto anche a tutti voi

Obrigado Brasil...O'Animal
 Membro VIP Go to Top of Page

n/a_
Member

Status: offline


100 Posts

Alert Moderator

Spedito - 28/11/2003 :  13:07:14  Mostri Il Profilo  Rispondi con citazione
QUEM NASCE EM VILA ISABEL JÁ NASCE POETA OU COMPOSITOR"


Vila Isabel é uma bairro da cidade do Rio de Janeiro, conhecido, internacionalmente, por sua musicalidade e carisma.
Foi chamado de "Bairro Abolicionista". É famoso como "Berço de Compositores". Por isso, o título deste trabalho : VILA ISABEL - TERRA DE POETAS E COMPOSITORES
Noel Rosa


Go to Top of Page

n/a_
Member

Status: offline


100 Posts

Alert Moderator

Spedito - 10/12/2003 :  21:17:20  Mostri Il Profilo  Rispondi con citazione
RIO ANTIGO CON GAROTA DE IPANEMA
http://www.kippenhan.net/brasil/slideshow/rio1900.html
Go to Top of Page

a.a.
Training

Status: offline


572 Posts

Alert Moderator

Spedito - 22/04/2004 :  17:23:26  Mostri Il Profilo  Membro Maschio  Rispondi con citazione
A história de Ipanema

Enquanto você lê este texto, um novo modismo deve estar surgindo em Ipanema. Apesar dos 110 anos, o bairro continua cheio de charme. E de novidades. A data do aniversário é comemorada em função da fundação da Villa Ipanema, 1894.



Os primeiros moradores foram os índios tamoios. Por volta de 1575, os colonizadores portugueses dizimaram os índios e ali instalaram o Engenho Del Rei. Em 1609, as terras foram doadas a Sebastião Fagundes Varela, que trocou o nome do lugar para Engenho Nossa Senhora da Conceição. O Engenho foi acumulando prejuízos até ser desapropriado e leiloado pelo rei dom João VI, em 1808. A área era conhecida como Praia de Fora e mudou de mãos várias vezes até ser comprada pelo comendador Francisco José Fialho, que a repassou ao filho, José Antônio Moreira Filho. Mais conhecido como.... Barão de Ipanema.

Quando o Barão de Ipanema herdou o terreno, em 1886, a área nada mais era que um desvalorizado areal da Fazenda Copacabana. Só era possível chegar de canoa, de barco ou a pé. Apesar dos obstáculos naturais, ele decidiu explorar a área comercialmente. A planta do futuro bairro já mostrava 19 ruas e duas praças. Em 1984 surgia a Villa Ipanema, com ruas e lotes colocados à venda.

Em 1892, entra em funcionamento uma linha de bonde puxada a burro sobre trilhos de madeira móveis entre Botafogo e a atual Praça Serzedêlo Correia, em Copacabana. Em 1894, a linha foi estendida até o Posto 6, na época conhecido como Praia da Igrejinha. No mesmo dia, o barão inaugurou uma linha de bonde não oficial, ampliando o trajeto até a Villa Ipanema. Foi aí que o negócio deslanchou e o barão começou a vender suas terras, principalmente de imigrantes alemães, franceses, judeus e italianos.



Ipanema cresceu, mesmo que um pouco isolada do resto da cidade. Nos anos 40 e 50 não existia sequer uma boate por ali. Mas a partir da década de 60, o bairro começou a exportar modismos. Foi lá que a bossa-nova se estabeleceu, que Leila Diniz brilhou, que a Banda de Ipanema passou. Nos anos 70, surgiram "as dunas do barato", o local de encontro da geração desbunde. Nos anos 80, o bairro viu nascer nas suas areias o Circo Voador. Ipanema teve verões marcantes como o "da lata" e o "do apito". E fez a moda entrar na moda com lojas que ficaram para a história como a Bibba, a Blu Blu e a Company.



E agora mesmo, um passeio pelas ruas arborizadas do bairro pode revelar novos ateliês ou simpáticos cafés. O bairro não pára.

(Globo Online)
Go to Top of Page

federico
Admin

Status: offline


2189 Posts

Alert Moderator

Spedito - 10/05/2004 :  18:14:36  Mostri Il Profilo  Membro Maschio  Inviar un messaggio AOL! per italioca  Rispondi con citazione
RIO, CARIOCA HÁ 439 ANOS
Na origem dos nomes, a história da cidade

Os nomes de alguns bairros cariocas, refletem as crenças, o imaginário e os interesses de navegadores portugueses e missionários jesuítas que cruzaram o Atlântico para colonizar a terra. Indicam também como se deu a ocupação da cidade, ou apontam características geográficas de cinco séculos atrás: paisagens que já não existem, mas cujas denominações permanecem como lembrança dos tamoios, temiminós e outras tribos que habitavam a região.

Rio de Janeiro #8211; Das disputas entre portugueses, franceses e índios, nasceu a cidade. O nome que recebeu aquela região banhada pela Baía de Guanabara foi dado em 1502, no início da colonização do Brasil. Uma expedição portuguesa pela costa brasileira descobriu a baía, cuja entrada foi confundida com a embocadura de um rio. Decidiram então chamá-lo de Rio de Janeiro, por ser o dia 1º de janeiro. Mais tarde a confusão foi desfeita, mas o nome ficou.

Carioca #8211; Em 1503, três anos após o descobrimento do Brasil, aportou aqui uma nova expedição portuguesa, comandada por Gonçalo Coelho. Segundo alguns historiadores, foi ele quem mandou erguer uma casa de pedra na área hoje conhecida como Praia do Flamengo. Os índios tamoios chamaram a construção de carioca, que significa casa de branco. Coelho não chegou a fundar uma cidade. Deixou no local alguns degredados e seguiu viagem.

Guanabara #8211; O nome da baía vem de Iguaá-mbará, que na língua dos tamoios significava algo como seio do mar (iguaá=enseada, e mbará=mar). Principais habitantes da região na época, os tamoios travaram boas relações com os corsários franceses, logo atraídos pelas riquezas da terra recém-descoberta e necessitados de água, pau-brasil e outras madeiras, para construção de navios. Os portugueses, por sua vez, demonstravam pouco interesse em explorá-la ou ocupá-la, embora algumas expedições tenham vindo para combater os corsários.

Ilha de Villegagnon #8211; Em 1555, uma expedição comandada pelo francês Nicolau Durand de Villegagnon chegou com o objetivo de colonizar a região da Baía de Guanabara e fundar uma nação nos trópicos, a França Antártica. Eles construíram um forte na ilha que hoje leva o nome do almirante francês, e onde está instalada a Escola Naval.

Estácio #8211; Mesmo enfrentando disputas internas e sob novo comando, os colonizadores franceses frustraram várias tentativas portuguesas de expulsá-los definitivamente. Até que, em 28 de fevereiro de 1565, adentra a baía a armada do capitão Estácio de Sá, para alguns historiadores, sobrinho do então governador-geral do Brasil, Mem de Sá, e, para outros, apenas um parente em segundo grau. Estácio veio com a missão de fazer guerra aos franceses e colonizar o Rio de Janeiro em nome de Portugal.

São Sebastião do Rio de Janeiro #8211; Estácio de Sá e seus comandados desembarcaram numa pequena faixa de terra entre o morro Cara de Cão e o Pão de Açúcar, no dia 1º de março de 1565. No mesmo dia ergueram ali um arraial fortificado, fundando a cidade de São Sebastião do Rio de Janeiro. O nome da cidade é uma dupla homenagem: ao santo cuja imagem Estácio trouxe consigo durante a viagem, e ao herdeiro da Corôa Portuguesa, D. Sebastião, que reinou de 1568 a 1578.

Uruçumirim #8211; Os portugueses aliaram-se aos índios temiminós, sob o comando do cacique Araribóia, e empenharam-se em ferrenhas lutas contra franceses e tamoios. Em 20 de janeiro de 1567, com a ajuda das tropas do governador-geral Mem de Sá, foi travada a batalha definitiva na colina de Uruçumirim (atual outeiro da Glória), em que os franceses saíram derrotados. Nessa batalha, Estácio de Sá foi ferido no rosto por uma flexa envenenada, morrendo um mês depois.

Sesmarias #8211; Na época da fundação do Rio de Janeiro, a forma de colonização do território brasileiro adotada por Portugal eram as sesmarias, grandes lotes de terra cedidos pela Coroa Portuguesa diretamente, ou por representantes no Brasil, aos colonizadores. Diversos combatentes na luta para expulsar os franceses receberam terras no Rio. Elas logo foram ocupadas por plantações de cana e engenhos de açúcar.

Jesuítas #8211; À Companhia de Jesus, que atuou na pacificação dos indígenas, coube uma das maiores sesmarias no Rio. Ela se estendia do Rio Comprido até a Maré. Os jesuítas aumentaram ainda mais suas domínios por aqui, por meio de doações de fiéis e negociações. Porém, em 1759, a Companhia foi expulsa de Portugal e das colônias. Suas terras foram confiscadas, divididas e vendidas pela Coroa. Assim, chácaras, fazendas e olarias espalharam-se pela cidade nos séculos XVIII e XIX, dando origem a vários bairros nas zonas Norte e Oeste.

LISTA DOS BAIRROS
 Moderatore VIP Go to Top of Page

Julia
Training

Status: offline


592 Posts

Alert Moderator

Spedito - 12/05/2004 :  15:36:29  Mostri Il Profilo  membro femminile  Inviar un messaggio AOL! per italioca  Rispondi con citazione
A felicidade enorme das cariocas em geral é tão contagioso como notável. Contagioso porque por toda mínima razão os polegares sobem, com uma 'Tudo bem?' e resposta sempre 'Tudo bem!' Nenhum dos brasileiros é reprimido ou reservado mas sempre está mostrando todas as emoções. O comportamento espontâneo e original deixou nascer um ótimo senso de humor, em todas as ocasões e em toda circunstância.

Brincadeiras normalmente tem relação aos habitos da pessoa, mas sem estar impudente ou grosseira. Isso deve estar resultado do senso social e o ódio para criar distância entre pessoas. Os brasileiros estão sempre satíricos, gostando de brincar e falar em gíria. Assim na língua dos brasileiros aparece um montão de palavras com segundas explicações, o que inicialmente é difícil entender para estrangeiros com português-do-dicionário. Mostra também que os brasileiros adoram fazer brincadeiras linguísticas. Tem muitas piadas sobre portugueses e argentinos, assim como as piadas sobre belgas na Holanda. Outra fonte de humor preto é o governo brasileiro, que sempre foi a ponta de zombaria pelo desgoverno e corrupção por muitos anos na história.

Outro parte do humor do carioca é o inventar de desculpas fantásticas cada vez quando ele não aparece nos encontros marcados, ou algumas horas mais tarde.

Você deve conhecer o papagaio verde do Walt Disney, o Zé Carioca. Walt Disney inventou ele como homenagem ao carioca e deu as marcas típicas humorísticas dos cariocas ao carácter dele. Assim ele é muito raro, diferente, social e gerando palavras como uma tagarela verdadeira. Além disso, ele voa de cima para baixo, é lacônico e caprichoso, tem caprichos de gritar e sempre mostra um comportamento excêntrico.



Um professor do Rio uma vez falou que um carioca é brilhante, mas também superficial como compensação. Ele não tem visão, juízo ou sinopse. Mas ele é encantado, pronto a replicar, eloqüente e cheio de alma. Brasil não deu o mundo grande filósofos ou grande pensadores. A gente não gosta muito desta vida dos pensamentos calados, mas gosta mais da forma, da manifestação cultural, da arte de viver. É um sinal que os brasileiros sabem fazer música boa, sabem escrever prosa, fazem as belas artes e tocam futebol. Eles deram o mundo o samba, a bossa nova, o carnaval e os maiores craques do futebol. O jeito deles é tentar pegar o ritmo da vida, o sentimento e as coisas naturais da vida com entusiasmo, flexibilidade e uma fantasia enorme ao contrário ao só pensar em idéias elevadas e espirituais.

Claro que este professor está gerando muito, mas com certeza também falou coisas certas. Principalmente o carioca, e em geral o brasileiro, não gosta muito de se preocupar. Ele tem praia, tem samba, tem bola na pé e tem humor para lutar na vida. Assim como escrevi numa outra seção, o jeito brasileiro também é um ótimo exemplo disso. Humor e criatividade estão no primeiro lugar na lista das medicinas contra os problemas diários.

Em voltar às piadas sobre o governo, não posso esquecer os jornais brasileiros que todos têm um caricaturista, que diariamente mostra com grande senso de humor, criatividade e subtilidade os mais novos erros do governo. Assim por exemplo O Globo tem o cartunista Chico Caruso. Todo dia um charge dele brilha na capa.


Chico Caruso



so close no matter how far
couldn't be much more from the heart
forever trusting who we are
and nothing else matters
Go to Top of Page

vera lucia
Elite

Status: offline


8129 Posts

Alert Moderator

Spedito - 24/06/2004 :  20:37:42  Mostri Il Profilo  membro femminile  Rispondi con citazione
Autore Topico
Lelinho
Member



Spedito - 24/06/2004 : 19:15:34
--------------------------------------------------------------------------------

Confesso che prima di arrivare a Rio de Janeiro e di conoscerla di persona per la prima volta, pensavo che Ipanema fosse semplicemente il nome di una spiaggia famosa della città, piena di belle ragazze abbronzate, muse ispiratrici di musicisti famosi. Ma ora, sfilando incuriosita di fronte alle belle foto in bianco e nero esposte al Centro culturale Laura Alvim, in rua Viera Souto, noto che oltre ad essere stata la culla della cultura musicale e artistica della città, Ipanema è in realtà un quartiere ricco di storia, di personaggi, di aneddoti. Una storia lunga 110 anni.

Era infatti il 1894 quando un barone locale decise di costruire le prime case e strade in quel territorio compreso tra la laguna Rodrigo de Freitas e l’Oceano Atlantico, e delimitato ai lati dall’Arpoador e dal Morro dos dois irmãos. Il nome Ipanema é di origine tupi-guarani e significa «acqua non buona per pescare», tema di una musica di Carlos Lyra intitolata “Y-panema”. Anna Chiesura con Carlos Alfonso Alberto, proprietario della Toca di Vinicius
Molti ricordano che da bambini, negli anni 40 e 50, ci andavano a fare le gite di domenica, perché quella zona all’epoca era aperta campagna. Ma a partire dagli anni 50, la città cominciò a espandersi lungo la costa sud, dove molti intellettuali e artisti si rifugiavano in cerca di pace e tranquillità. Nacquero così Copacabana prima, e Ipanema, poi. Qui, il fermento artistico e culturale che iniziò a svilupparsi, avrebbe coinvolto musica, cinema, teatro e prodotto movimenti importanti non solo per il Brasile dell’epoca.

Fu tra i tavoli degli antichi bar Zepelin, Jangadeiros, Becos das Garrafas e Veloso che si incontravano artisti come Tom Jobim, Vinicius de Moraes, Carlos Lyra, Toquinho, Joaquim Pedro, Rui Guerra, per discutere delle loro creazioni e comporne di nuove. Seduti a un tavolino del bar Veloso (oggi bar Vinicius), Tom e Vinicius guardavano estasiati passare la garota Helô Pinheiro, «[…] moça do corpo dourado do sol de Ipanema», e per lei composero una delle canzoni oggi più famose al mondo. Nel 1949 fu inaugurato il Teatro de Bolso, nel 1961 il Santa Rosa e nel 1969 il Teatro Ipanema creato da Rubens Corrêa. Nell’ estate del 1982, il sindaco della città istituisce il Circo Voador (ora nel quartiere della Lapa), fucina di musica, danza, circo, capoeira e poesia, dove si esibirono per la prima volta Cazuza, Lulu Santos, i Paralamas do Sucesso e i Barão Vermelho.

Negli anni 60, 70 e 80 Ipanema assistette ai primi movimenti di resistenza alla dittatura militare la liberazione sessuale. Il giornale O Pasquim, e la Banda da Ipanema, formata da 40 amici abitanti del quartiere, che apre tradizionalmente il pre-carnevale, due settimane prima dell’ inizio ufficiale della folía. Negli anni 70 fu edificato al posto 9 , vicino all’Arpoador, il Píer, una struttura metallica che avrebbe dovuto servire alla costruzione di un emissario marino. Il lungomare di Ipanema
o. In seguito rimosso, servì invece da palcoscenico a diversi avvenimenti importanti. Qui sorse la moda del tanga e dei bikini, che non ebbe tuttavia lunga vita; qui Leila Diniz, altro mito di Ipanema e simbolo della liberazione sessuale, esibiva la sua pancia gravida in bikini, sollevando grande scandalo. E qui nacque anche la moda del surf, destinata ad affermarsi soltanto in futuro con successo ben maggiore. C’era poi la moda della praia em pé, ovvero della spiaggia in piedi, perché questa era talmente affollata che l’unico verso per entrarci era quello... verticale.

Nel 1987 un insolito visitatore iniziò a lambire la spiaggia di Ipanema, al posto 7: si trattava di 15mila lattine piene di marijuana clandestina, provenienti dall’Australia e dirette verso gli Stati uniti. Molte di esse furono sequestrate dalla polizia, ma vi è chi ancora oggi ricorda con nostalgia del profumo forte di quella maconha. Altra moda, questa sì davvero unica e straordinaria, era quella di applaudire al tramonto: in quei dieci minuti in cui il sole percorre il suo ultimo arco prima di affondare all’orizzonte, tutti si alzavano in piedi per applaudire di fronte a tanta meraviglia della natura. A Ipanema iniziò anche la moda vip della calçada da fama, lastre di cemento con le impronte delle mani di personaggi famosi: ci sono quelle di Elis Regina, Pixinguinha,Chico Buarque, Tom Jobim, Vinicius.

Nel 1980 viene inaugurata via Vinicius de Moraes in omaggio al grande compositore carioca. Tredici anni più tardi, al numero 129 della stessa strada, apre la Toca do Vinicius, negozio interamente dedicato alla divulgazione dei generi musicali tipici di Rio de Janeiro: samba, choro e
bossanova. «Iniziammo con l’organizzare incontri pubblici in una piccola sala qui sopra, ora diventata una specie di museo con testimonianze storiche della vita artistica di questa città. Immagine d`epoca del quartiere
Vi è persino una ciocca di capelli di Vinicius», racconta con entusiasmo Carlos Alfonso Alberto, proprietario del locale e docente di letteratura brasiliana. «Ho voluto dedicare a lui il mio negozio perché Vinicius rappresenta la simbiosi perfetta tra la composizione musicale e quella scritta. E’ proprio questa cultura poetica musicale che vogliamo conservare e divulgare», continua con tono appassionato. «Vinicius, inoltre, era l’espressione personificata del jeito carioca, di quello spirito allegro, romantico e ospitale degli abitanti di Rio de Janeiro».

E sì, Ipanema può essere il simbolo di Rio come Rio lo è del Brasile, delle sue bellezze mozzafiato e delle sue crudeli contraddizioni. Torno sulla spiaggia, ora più grande dopo il ritiro dell’alta marea e mi accorgo all’improvviso di una diversità abissale con l’Italia: a Rio, e quasi dappertutto in Brasile, le spiagge sono completamente pubbliche!!!


--------------------------------------------------------------------------------
Lelinho
Brasileiro no coraçao!!!

Go to Top of Page

Celi
Senior

Status: offline


1498 Posts

Alert Moderator

Spedito - 20/08/2004 :  10:43:34  Mostri Il Profilo  membro femminile  Inviar un messaggio AOL! per italioca  Rispondi con citazione
Cristo Redentor






HISTÓRIA

O primeiro nome do Corcovado foi dado pelos portugueses, no século 16: Pináculo (ou Pico) da Tentação, em alusão a um monte bíblico. Mas foi só no século seguinte que o morro recebeu o nome pelo qual o conhecemos hoje, por causa de sua forma, que lembra uma corcova ou corcunda.

Em 1921, a idéia da construção de uma estátua de Cristo, sugerida pela primeira vez pelo padre lazarista Pedro Maria Boss, em 1859, é retomada para marcar a comemoração do Centenário da Independência do Brasil no ano seguinte. Nesse mesmo ano, há uma assembléia para discutir o projeto e o local para edificação. Corcovado, o Pão de Açúcar e o Morro de Santo Antônio também estão na disputa, mas o primeiro acaba sendo o vencedor.

Já em 1922, 20 mil pessoas fazem um abaixo-assinado pedindo ao presidente Epitácio Pessoa a permissão para edificação da estátua, e a pedra fundamental é lançada em 22 de abril.

No ano seguinte, o projeto do engenheiro Heitor da Silva Costa (foto) é escolhido, através de concurso, para construção do monumento. Em setembro, é lançada a Semana do Monumento, para arrecadação de fundos para as obras. De mil-réis em mil-réis, a Comissão do Monumento conseguiu arrecadar os dois mil e quinhentos contos de réis que precisaria para realizar a obra.



STORIA

Il primo nome del Corcovado fu dato dai portoghesi, nel secolo XVI: la vetta o il picco della tentazione, alludendo un nome biblico. Ma è stato soltanto nel secolo seguente che la montagna ha ricevuto il nome con il quale lo conosciamo oggi, a causa della sua forma che ricorda la gobba o un gobbo.

Nel 1921, l'idea della costruzione di una statua di Cristo, suggerita per la prima volta dal prete Pedro Maria Boss, nel 1859, è ripresa per marcare la commemorazione del centenario dell'indipendenza del Brasile nell'anno seguente, in questo stesso anno, c'è stata un'assemblea per discutere il progetto ed il posto per l'edificazione. Corcovado, Pão de açucar (Pane di zucchero) ed il Morro de Santo Antonio (montagna di Sant'Antonio) erano anche loro in questa disputa, ma il primo finisce per vincere.

Già nel 1922, 20 mille persone fanno una raccolta di firme chiedendo al presidente Epitàcio Pessoa il permesso per l'edificazione della statua, e la pietra fondamentale è stata lanciata nel 22 aprile.

Nell'anno seguente, il progetto dell'ingegnere Heitor da Silva Costa (foto) è stato scelto, attraverso un concorso. A settembre, è lanciata la "Settimana del Monumento", per raccogliere del fondo per le opere. Di mille in mille réis, la commissione del Monumento è riuscita a raccogliere i due mila cinquecento contos di réis (moneta brasiliana in quell'epoca) che sarebbero necessari per la realizzazione dell'opera.



Construção

Finalmente, em 1927, começa a construção da estátua, depois que maquetes de diversos tamanhos foram executadas. Os cálculos foram feitos por Silva Costa, auxiliado por Pedro Viana da Silva e Heitor Levy, que residiu, durante todos os anos da construção, em um barracão de madeira ao pé do canteiro de obras.

Todo material de construção era levado do ponto final da linha Ferro do Corcovado até o topo do morro, a 710 metros de altura, por um sistema chamado funicular, de cabos acionados por um motor que proporcionavam a tração dos carrinhos em que as peças eram colocadas.

A festa de inauguração acontece no dia 12 de outubro de 1931, com a presença de Getúlio Vargas, então chefe do Governo Provisório.O desenho final do monumento é do artista plástico Carlos Oswald, e a execução da escultura é do escultor polonês de escola francesa, Maximillien Paul Landowski.

Costruzione

Finalmente, nel 1927, comincia la costruzione della statua, dopo che modellini di diverse misure sono stati eseguiti. I calcoli sono stati fatti da Silva Costa, con la collaborazione di Pedro Viana da Silva e Heitor Levy, che ha vissuto durante tutti gli anni della costruzione in una casetta di legno ai piedi del cantiere dell'opera.

Tutto il materiale di costruzione era trasportato dal fine della ferrovia del Corcovado fino al picco della montagna, a 710 m d'altezza, da un sistema chiamato funicolare, di funi azionate da un motore che trainavano i carrelli nei quali i pezzi erano messi.

La festa d'inaugurazione succede nel 12 ottobre 1931, con la presenza di Getulio Vargas, allora capo del Governo Provvisorio. Il disegno finale del monumento è dell'artista plastico Carlos Oswald e l'esecuzione è dello scultore polacco di scuola francese, Maximillian Paul Landowski.




ESTRADA DE FERRO

Todo o material necessário à obra e os operários que participaram da construção do Cristo foram transportados ao Corcovado pelos trens da ferrovia que liga a rua Cosme Velho ao alto do Corcovado. Inaugurada em outubro de 1884 pelos engenheiros Francisco Pereira Passos e João Teixeira Soares, essa foi a primeira via férrea construída no Brasil com fins exclusivamente turísticos e também a primeira a ser eletrificada.

Na época, ninguém acreditava no valor do empreendimento e reza a lenda que, ao assinar o pedido de concessão, o conselheiro Manuel Alves de Araújo acrescentou ao despacho: "Estrada de Ferro para o Corcovado? Engraçado! Deferido!"

LA FERROVIA

Tutto l'occorrente necessario all'opera ed agli operai era trasportato dai treni della ferrovia che unisce la Via Cosme Velho all'alto del Corcovado. Inaugurata nell'ottobre del 1884 dagli ingegneri Francisco Pereira Passos e João Teixeira Soares, questa è stata la prima ferrovia costruita in Brasile con propositi esclusivamente turistici e anche la prima ad essere elettrificata.

In quell'epoca, nessuno ci credeva nel valore dell'impresa e dice la leggenda che, al firmare la richiesta di concessione, il consigliere Manuel Alves de Araujo ha aggiunto alla decisione: "Strada di ferro per il Corcovado? Divertente! D'accordo!"



"O melhor lugar do mundo é aqui... e agora."

Edited by - Celi on 20/08/2004 10:45:35
 Moderatrice VIP Go to Top of Page

Celi
Senior

Status: offline


1498 Posts

Alert Moderator

Spedito - 20/08/2004 :  11:02:43  Mostri Il Profilo  membro femminile  Inviar un messaggio AOL! per italioca  Rispondi con citazione
INAUGURAÇÃO

Diversas solenidades marcaram a inauguração da estátua. As comemorações começaram com a Semana Nacional do Cristo Redentor, iniciada em quatro de outubro de 1931, quando se reuniu no Rio o Congresso Católico, com a participação de cerca de 50 bispos e arcebispos de todo o Brasil.

Na manhã do dia 12, considerado ponto facultativo pelo Governo, houve uma missa celebrada por Dom Sebastião Leme, nomeado pelo papa para dar a bênção ao monumento. Getúlio Vargas e todo seu ministério estiveram presentes aos eventos, do quais só puderam participar autoridades eclesiásticas e civis e membros da Comissão Promotora.



L'INAUGURAZIONE

Diverse solennità marcarono l'inaugurazione della statua. I festeggiamenti cominciarono con la Settimana Nazionale del Cristo, iniziata nel 4 ottobre 1931, quando si sono riuniti a Rio il Congresso Cattolico, con la partecipazione de 50 vescovi ed arcivescovi di tutto il Brasile.

Nella mattina del giorno 12, considerato giorno festivo facoltativo dal Governo, c'è stata una messa celebrata da Dom Sebastião Leme, nominato dal Papa per dare la benedizione al monumento. Getulio Vargas e tutto il suo ministero sono stati presenti agli eventi, dai quali hanno potuto partecipare soltanto le autorità ecclesiastiche e civili e membri della Commissione Promotrice.

O CONVIDADO

Per iniziativa del giornalista Assis Chateaubriand, o cientista italiano Guglielmo Marconi, inventor do telégrafo sem fio, foi convidado a inaugurar a iluminação do monumento.

Um sinal elétrico seria emitido do iate Electra do cientista, na baía de Nápoles, na Itália, e seria captado por uma estação receptora instalada em Dorchester, na Inglaterra, e retransmitido para uma antena em Jacarepaguá, no Rio de Janeiro, acendendo as luzes do Cristo. Mas o mau tempo impediu o sucesso da operação e a estátua acabou sendo iluminada diretamente do Rio, mas nada que tirasse o brilho da ocasião .

L'INVITATO

Por iniziativa del giornalista Assis Chateaubriand, lo scienziato Guglielmo Marconi, inventore del telegrafo senza fili, è stato invitato ad inaugurare l'illuminazione del monumento.

Un segno elettrico sarebbe trasmesso dallo yatch Electra dello scienziato, nella baia di Napoli, in Italia, e sarebbe captato da una stazione recettrice istallata a Dorchester, in Inghilterra, e ritrasmessa da un'antenna a Jacarepaguá, Rio de Janeiro, accendendo le luci del Cristo.

Ma il brutto tempo ha impedito il successo dell'operazione e la statua alla fine è stata illuminata direttamente da Rio, ma niente che togliesse il fulgore dell'occasione.


Cristo e Carnaval


O carnavalesco Joãozinho Trinta botou ricos e pobres, reis e mendigos, juntos na Avenida, em 1989, no memorável enredo Ratos e Urubus, Larguem Minha Fantasia.

A polêmica? Uma imagem do Cristo Redentor de braços abertos para toda a impunidade e desigualdade carioca, representada em um carro alegórico da escola. A Arquidiocese proibiu o uso da imagem sagrada em um ritual pagão, mas Joãozinho não se fez de rogado: um Cristo coberto por um plástico preto e com uma faixa com os dizeres "Mesmo proibido, olhai por nós" percorreu a Passarela do Samba emocionando os foliões.



Cristo e Carnevale

Il carnevalesco Joãozinho Trinta ha messo ricchi e poveri, re i barboni, insieme nella Sfilata di carnevale, del 1989, con la memorabile canzone "Topi e avvoltoi, Lasciate la mia fantasia".

La polemica? Un'immagine del Cristo Redentor con le braccia aperte per tutta l'impunità e disuguaglianza carioca, rappresentata in un carro della scuola. L'archidiocesi ha proibito l'uso dell'immagine sacra in un rito pagano, ma Joãzinho non ha avuto pretese: un Cristo coperto di plastica nera e avvolto in una striscia con le parole: "Anche se proibito, custodiscici" ha percorso la Passarela do Samba emozionando i foliões.


As medidas da estátua do Cristo Redentor

Localização - Cume do Morro do Corcovado, 710m acima do nível do mar

Visibilidade - 360º
Altura total do monumento - 38m
Altura da estátua - 30m
Altura do pedestal - 8m
Altura da cabeça - 3,75m

Comprimento da mão - 3,20m
Distância entre os extremos dos dedos - 28m
Peso da estátua - 1,145 toneladas
Peso da cabeça - 30 toneladas
Peso de cada mão - 8 toneladas
Peso de cada braço - 57 toneladas
Distância entre os extremos dos dedos - 30 m


Fonte: Jornal o Dia - Jornal Estadão




"O melhor lugar do mundo é aqui... e agora."

Edited by - Celi on 20/08/2004 11:03:58
 Moderatrice VIP Go to Top of Page

maravilha
Member

Status: offline


33 Posts

Alert Moderator

Spedito - 30/09/2004 :  16:29:39  Mostri Il Profilo  Membro Maschio  Rispondi con citazione
Indispensabile guida di chi vuole conoscere veramente Rio de Janeiro,
non è Lonely Planet ma crudamente passa in rassegna tutti i quartieri di Rio. Buona per chi ha tempo,voglia e fegato di conoscere qualcosa oltre ai soliti "passeggi turistici"

I - SUBÚRBIO BAIXO

1 - Penha
Bairro paralelo a uma das maiores vias do Rio de Janeiro, A Avenida
Brasil. Sendo assim bairro de fuga de bandido e constantes tiroteios.
Mas nem tudo é só desgraça. A Penha tem Igreja de Penha que fica no alto de um
morro. Para chegar até lá em cima tem que subir 365 degraus, porém
essa não é a maior dificuldade, A maior dificuldade é ter que passar
pelo parque Xangai sem ser
assaltado e após uma imensa ladeira que dá acesso a uma favela, ai sim
começa a escadaria. Mas após isso tudo tem a recompensa. Chegar lá do
alto e ver a quantidade de morro e favela que a igreja est cercada é uma
sensaão única.

2 - Olaria
Olaria é um bairro que tem seu famoso Clube Olaria e pouco futebol.
Vale lembrar do conjunto habitacional do Greipe que é uma maloca só,
em que o point é uma pracinha que a galera se encontra.

3 - Ramos
Ah ... Esse sim tem um verdadeiro ponto turístico em que todos os
nativos da área se divertem e se orgulham de verdade .... O "Piscinão
de Ramos". Local muito citado pôr Dicró, é famosa pela quantidade de
favelas.

4 - Vila da Penha e Vicente de Carvalho
Até a alguns anos atrás era uma roça, só havia o Carrefour e o
supermercado Real, agora porém Vila da o shopping Carioca e etc. Porém
a galera de V.P. não perdeu uma velha mania, ficar dando voltas nos
arredores de um canal fedorento da rua Oliveira Belo. Um grande
contraste pois na Zona Sul se caminha pela orla, já em V.P neste velho rio. Convém lembrar que o
conjunto IPASE não para de crescer, se transformando num mega cortiço.

5 - Irajá
Quem não conhece esse bairro, muito famoso pelo que tem de melhor :
"O cemitério de Irajá". Até um velho circo que possui no bairro é
falido.

6 - Vaz Lobo
Bairro de passagem, simplesmente sem definião, pois não habitacional
nem comercial. Acho que a única definião que tenho é que é um bairro
muito "favelal" com o famoso morro do Juramento onde nasceu e foi
criado pessoas famosas como Verônica Costa e Escadinha.
Que orgulho!!!

7 - Madureira
Meu Deus que tumulto, milhões de camelôs, um calor infernal, barulho,
engarrafamento, muita gente feia, trombadinhas e assaltantes
profissionais pôr todos os lados, comerciantes gritando, poluião, gente pedindo de
tudo, MEU DEUS !!!!!!!!!! É a própria filial do Inferno ! O inferno
de Dante passa até a parecer um parque de diversões diante desse
cenário. Bairro muito conhecido pelos macumbeiros de plantão que
compram as galinhas pretas, bodes e similares no grande "Mercadão de Madureira". Famoso também pelo camelódromo que
estão constantemente em guerra com a polícia. Mas o que mais marca o
bairro é a ladroagem, é engraçado você estar passando pela rua quando
de repente surge um indivíduo lhe perguntando na maior cara de pau: "
Vai um rolex, ai? E um cordãozinho de ouro ?". realmente um local muito bom.

8 - Cascadura
É praticamente nada. É o quintal de madureira, ou seja, nada. Na
Dúvida é melhor nem ir lá, você pode se perder e acabar pôr engano em
Madureira. Já viu, né ?

9 - Vila Valqueire
Vide Capítulo IV .2 abaixo.

10 - Pilares
De caprichosos não tem nada...

11 - Inhaúma
Bairro famoso, muito famoso pelo seu cemitério...lá são realizados
inúmeros trabalhos de Candomblé, atraindo macumbeiros de todos os
cantos da cidade.

12 - Maria da Graça
Bairro ermo, conhecido vulgarmente pôr Maria Desgraça!

13 - Higienópolis
Hã ? O Que é isso ? Bairro próximo a Maria da Graça, que ninguém
conhece. Já foi há tempos atrás considerado o bairro mais tranquilo da
zona norte (também, ninguém conhecia). Hoje em dia é cercado pelas
favelas do Jacaré e Manguinhos. O bairro que era o mais tranquilo da zona norte, é agora
rota de fuga de bandido e não passa um dia sem uma rajada de
metralhadora.

14 - Del Castilho
Se resume a duas coisas: catedral mundial da fé (sede da Igreja
Universal)e Nova América.

15 - Cachambi
Bairro de passagem...

16 - Méier
Moradores do Méier, esses têm um grande comércio, e duas divisões ..
O morador do Méier geralmente tem um ar arrogante para sua localizaão.
Gostam dese equiparar aos Tijucanos, porém a geografia tratou de tornar esse
desejo impossível. O "point das patricinhas" desse humilde bairro geralmente
é o combalido Raio de Sol.

16B - Engenho de Dentro
Antigo Engenho. Ficou famoso pôr sua bela Estaão ferroviária e depois
caiu no esquecimento. Basicamente residencial e aconchegante.
Promete ser impulsionado novamente com a construão do Estádio Olímpico.

17 - Lins de Vasconcelos
Seria esse o Andaraí do submundo? Vide após o bairro Andaraí.

18 - Engenho Novo
Fica difícil falar de um bairro que não tem nada.

19 - Riachuelo
Quando você acha que chegou, já passou ...

20 - Rocha
Começa no nada (Riachuelo) e termina no lugar nenhum (São Francisco
Xavier) antes mesmo que possamos nos dar conta da sua existência, ou
seja, é praticamente anônimo. Conhecido como "VALÃO", pois todos os
bairros do submundo escoam pela Marechal Rondom, a sua rua principal,
para chegarem ao centro da cidade.

21 - São Cristóvão - Aqui fica a Rodoviaria para quem chega ao RJ.
Já foi o berço do Império, a nobreza de todo reinado via esse bairro
com grande apreço, mas isso foi há dois séculos atrás, pois
atualmente o bairro de São Cristóvão encontra-se em total petião de
miséria. Hoje Dom João chora em seu túmulo, pois a sua casa
tornou-se um museu em ruínas pôr descaso de nossos administradores e
seu vistoso quintal virou um zoológico cercado de travecos e outros
seres da noite. Como se não bastasse tanta desgraça, nesse bairro
encontra-se o Clube de Regatas Vasco da Gama, o que acaba acarretando
uma migraão de lusitanos fedorentos e um bando de bandidos que
respondem pela facão força jovem em dias de jogos do Vasco.
Atualmente a grande atraão do Bairro é a famosa Feira dos Paraíbas que
alcança se u auge nas madrugadas de Sábado para Domingo.

22 - Jacaré
Ops!!! Desculpe-me caro leitor, Jacaré não é bairro e sim uma enorme
favela, portanto não há o que comentar a não ser o seu elevado grau de
periculosidade.

II - SUBÚRBIO ALTO

1 - Grajaú
Clima bucólico, possui uma densidade demográfica baixa, o que nos
lembra Alberta, pra quem não sabe, uma região do Canadá. Há ainda quem
o diga entre os moradores que ali, é a Europa da Zona Norte. Mas
apesar da sua magnitude, há carência de iluminaão em suas ruas, o que
nos faz lembrar os perigosos becos de Londres. Parabéns moradores
desse bairro, sempre nos lembrando o velho continente.

2 - Vila Isabel
"A Vila não quer abafar ninguém, só quer mostrar que faz samba
também...",disse certa vez Noel Rosa , tornando esse bairro famoso no Brasil ou
no mundo, como o berço do samba. Primeiro bairro adronizado do Rio de
Janeiro, com requinte à francesa, uma amostra disso é sua famosa
avenida: a Boulevard, seguida pela ornamental calçada musical. Foi através de
Drummond, o " Barão" que surgiu o popular jogo do bicho. Atualmente a
Vila está em seu ápice, pois aderiu a modernidade. Apesar de sua
amplitude histórica, há deficiências, e a mais marcante é o já citado
e combalido Raio de Sol, e o paralisado Hospital Pedro Ernesto, além desses dois há o falido
restaurante Capelinha.

3 - Andaraí
Seria o Andaraí um bairro fantasma? Essa dúvida é freqüente entre os
mortais moradores desse lugar, eles possuem várias identidades menos a
própria, moram em Vila Isabel, no Grajaú, na Tijuca mas nunca em seu
próprio bairro.
Seria isso vergonha ou um desejo? Um exemplo disso é o popular conjunto
habitacional, carinhosamente conhecido como TiJOLINHO, pois seus moradores
encontram-se numa eterna crise de identidade.

4 - Tijuca
Trata-se resumidamente de uma(ou muitas) Favela(s) com um bairro no
meio, pois a geografia foi madrasta com esse local que outrora abrigou
grande parte da classe média Carioca. O tijucano é o único ser que
consegue comer mortadela e arrotar caviar, isto porque os indivíduos
que residem no local estão sempre à sombra dos povos mais abastados
da cidade. A característica principal do tijucano é sua auto-estima
baixa e a vontade de deixar o mais rápido possível a Tijuca
(vide este ser um famoso Bairro de imigraão e Colonizaão de outros
bairros emergentes da cidade, pois qualquer tijucano que ganha um dinheirinho
já sonha em se mudar para a Barra da Tijuca, Recreio, ou
Jacarepaguá). Há também os falsos tijucanos, são eles procedentes de
inúm eros bairros, a destacar, as seguintes regiões como Andaraí, Vila
Isabel, Largo da Segunda Feira, Praça da Bandeira e principalmente
quem mora no Maracanã. Muitos devem estar se perguntando: porque o
Largo da Segunda Feira não é Tijuca? E a resposta está aqui: Passou da
Hadock Lobo, já é Largo da Segunda Feira, não tem que choramingar.
Atualmente a Tijuca enfrenta grandes problemas, relacionados à
violência, pois é um bairro cercado pôr morros, a destacar: Borel, Casabranca, Formiga, Salgueiro, Chacrinha, Turano, entre outros. E assim a Tijuca vive em seu eterno antagonismo, de
belas mulheres, balas perdidas, luxo e pobreza (pista e favelas).

5 - Maracanã
É conhecido em todo mundo, mas não pelo bairro, e sim por acolher o
maior estádio do mundo, uns dizem que de alguns anos pra cá, tem tido
algo em comum com um bairro carioca, não pelos estádios, já que o
outro também tem (Moça Bonita), mas pelo clima infernal como em Bangu, o motivo foi a
construão da UERJ, que contribui para essa ilha de calor. Porém o
bairro do Maracanã dá um banho em muita gente, pois quando chove seu
rio causa grandes inundaões.

III - ZONA SUL

1 - Laranjeiras
Pinheiro Machado esse é o nome da grandiosa rua que abriga dois
grandes ícones decadentes do Rio de Janeiro, o tradicional Fluminense
Football Club eo Palácio dos Guinle, esse último conhecido atualmente como Palácio
da Guanabara, já que a venda desse palacete apresentou o início da
derrocada da ilustre família Guinle. Hoje sua fachada é alvo de
projéteis de vândalos etraficantes.
Apesar de tanta tradião histórica, é um bairro segregado da Zona Sul.

2 - Catete e Glória
Ambos os bairros tiveram grandes influências no início dos anos 30, o
Catete com seu lendário Palácio e a Glória pelo seu tradicional hotel.
Essainfluência ocorreu graças a um homem, o eterno presidente da
República Getílio Vargas. Hoje sem a sua presença, esses bairros se
tornaram mórbidos, os tempos de requinte esvaíram-se com o passar dos
anos. É o típico bairro chato.

3 - Botafogo e Flamengo

A orla de Botafogo é famosa mundialmente e possui uma das melhores
vistas da cidade, porém é um bairro com mais falhas do que acertos.
Vide a pivetada que fica em frente ao prédio Mourisco, vide também o
caótico engarrafamento da rua Farani, sem contar a falência do Clube
Sírio Libanês e futuramente, do Canecão. O ponto alto é o grande
comércio e primordialmente devemos reverenciar o requintado
Restaurante Sol e Mar e sua deslumbrante vista, sem esquecer do shopping mais carioca que o Rio tem, pois consegue unir um cenário glamouroso com a simplicidade. Já o bairro do Flamengo se destaca
pela sua orla que é composta por prédios residenciais valorizados e
tradicionais, além de uma invejável área de lazer. Convém lembrar a
Churrascaria Porcão Rios, a mais luxuosa dessa rede. Não deixando de
lembrar da famosa rua Payssandu e seus arvoredos. Porém, quando passarem por esse
tradicional bairro, esvaziem os bolsos, pois o prejuízo pode ser grande, o
que nos diga o conhecido e deserto aterro do Flamengo.

4 - Urca - Aqui mora o Roberto Carlos
Esse bairro se tornou famoso pelo antigo Cassino da Urca, onde
desembarcou dos E.U.A, a "pequena notável", Carmen Miranda cantando a música "Eu
Gosto da Minha Terra." Neste bairro localiza-se uma das maiores
belezas naturais, o Pão de Aúcar. É um lugar calmo onde prevalece um
maior número de residências, inclusive a do Rei; Roberto Carlos.

5 - Leme
Foi privilegiado pela sua localizaão, dizem por aí que é a Copacabana
nobre, não querendo desmerecer o bairro vizinho, que pelas questões,
históricas entre outras supera o Leme. O ápice desse bairro está no
Luxuosíssimo Hotel Le Meridien, e o fabuloso Restaurante Le Saint
Honoré. Não pode cair em esquecimento o morro Chapéu Mangueira, que
como os outros possui pessoas amistosas, porém essas colinas desvalorizam qualquer
bairro, inclusive o Leme, cuja praia já não ajuda.

6 - Copacabana
O mais famoso bairro do mundo, carinhosamente conhecido como a
"Princesinha do Mar", palco do maior reveillon do planeta com seu
espetacular show pirotécnico. Em sua magnífica avenida (Atlântica),
onde residem boa parte das aristocráticas famílias, na qual está
localizado o Hotel de maior prestígio do Brasil, onde a voz do
século, Frank Sinatra ecoou pelo nobre salão do Golden Room, no Copa.
Logo ao lado encontra-se o badaladíssimo edifício Chopin. Apesar de
sua história monumental, esse pedaço de terra, apresenta as mesmas
deficiências de bairros menos abastados, com o alto índice de
prostituião, moradores de rua, e assaltos a turistas e moradores.

7 - Arpoador - Chique...
Não tem história, e portanto não merece maior atenão...... mas convém
lembrar da galera do Surf, e dos pescadores. J ia esquecendo ... da
galera da marola.

8 - Ipanema - Chique...
Eternizado pelas canões de Tom e Vinícius, esse é o típico bairro
carioca, por onde desfilam moças dos corpos dourados, do sol de Ipanema...Como
exclamaram os poetas. Esta nobre região dispensa elogios, por tudo que
é e que já foi...?
Eterna e inigualável. Qual mortal não gostaria de morar aqui?

9 - Leblon - Chique - Supra Sumo. Sonho do carioca em comprar apto...
Valorizadíssimo por ser um lugar tranqüilo, muito enfocado pelas
famosas novelas da Rede Globo, do qual retratam toda a graciosidade e
também algumas falhas. Seu luxo evidencia-se com o Antiquárius, o
Monte Líbano que tornou-se mais acessível às camadas baixas, entre
outras.

10 - São Conrado
Esse sim sabe o que é uma colina, pois abriga a maior favela da
América Latina (Rocinha), também possui uma praia com odor
desagradável, tem como ponto positivo o Shopping Fashion Mall e
alguns condomínios. É favorecido pela proximidade da Barra da Tijuca.

11 - Gávea
Bairro conhecido por abrigar a sede de ilustre Clube de Regatas do
Flamengo. Trata-se também de um elo que une a Zona Sul à Zona Oeste.
Podem ser citados a Pontifícia Universidade Católica, o simples e ao
mesmo tempo sofisticado Shopping da Gávea, a conhecida Praça Santos Dumont e
a grandiosa Pedra da Gávea, com seus esportes radicais. Mas tem que
ter "saco" para aturar o congestionamento da Rua Marquês de São
Vicente e da Bartolomeu Mitre.

12 - Lagoa
O nome já diz tudo, com a Lagoa Rodrigo de Freitas, essa região
ganhou notoriedade mundial, a pesar da constante onda de mortandade de
peixes e eutrofizaão. É o coraão da Zona Sul pois tem ligaão com os
grandes bairros dessa região. Além de ser um cartão postal
maravilhoso!!!

IV - ZONA OESTE e EMERGENTES

1 - Jacarepaguá
É um bairro com muita história, que perdura desde a época dos Barões
do café (atualmente ainda é possível visitar-se as fazendas
históricas, senzalas, etc., que situam-se na região). Porém também
possui muitas divisões internas, de um lado Taquara, Curicica, Praça
Seca (representando a parte menos abastada financeiramente) e de
outro a Nobilíssima Burguesia tradicional que reside em nobres áreas
como a Freguesia, Tanque, Pau-ferro;atualmente tem-se dado destaque aos Emergentes e luxuosíssimos
condomínios surgidos no Anil (que paradoxalmente fazem fronteira com a "já" 2ª
maior favela do Brasil "Rio das Pedras", que apresenta a marcante
característica de ser a única favela do Rio de Janeiro que não possui tráfico de
drogas, isto pelo DIGNÍSSIMO Trabalho de controle social desempenhado
pela "ONG" (e grupo de extermínio nas horas vagas) denominado Polícia
Mineira, que financiado evidentimente pelos mais abastados do Bairro.
Atualmente o Bairro ganhou "status" de celebridade Mundial, com a
indicaão do filme CIDADE DE DEUS (favela que integra a já referida Taquara) ao Oscar em Hollywood.

2 - Vila Valqueire (ou seria Vaqueire?)
Que por.. é essa ?!?
Ah ! Fica entre a Praça Seca e Madureira, perto de Realengo e
Sulacap. Preciso dizer mais ? Freqüentes tiroteios e assaltos fazem
desse lugar um cenário digno dos filmes do Charles Bronson (assistam
"Desejo de Matar III" e saberão exatamente do que quero dizer). Já
sei, você deve estar se perguntando o que o Valqueire está fazendo
nesse capítulo, né ? Bem, na verdade, o lugar dele deveria ser logo
após Madureira mas, já que boa parte de seus moradores gostam de se
considerar de Jarepaguá, resolvi dar uma chance a eles, embora não
tenham porra nenhuma de emergentes.

3 - Recreio
É uma roça de luxo, com prédios padronizados e inovadores, o que o
prejudica é a favela que está aumentando, vulgarmente conhecida como
Terreirão!!! Porém o futuro é de grande esperança para este bairro
ainda em crescimento.

4 - Barra da Tijuca - Se a Bete viesse pro RJ, nois ia mora aqui...
Paraíso dos emergentes, ou seria a Miami brasileira?? Com certeza
essa região é a responsável pelo auto grau de entretenimento de toda a
cidade, se fosse enumerar, teria de ser feito uma Bíblia... É muito
esplendor, e isso desperta a ira dos tradicionais da Zona Sul. Sua night deixa um pouco
a desejar pela freqência de emergente que tentam a todo custo
adaptar-se a um novo estilo de vida e por moradores de Jacarepaguá e
Valqueire que parasitam esse mundo, como que tentando sentirem-se
entre os "nobres".

V - ZONA FORA RIO

1 - Niterói
Lugar que possui umas das mais belas vistas do mundo, O Rio de
Janeiro. Oficialmente a quarta melhor cidade em qualidade de vida no
Brasil. Conhecida também como "Niquite" é famosa por sua noite
badalada. Muito conhecida também por ter as mulheres mais bonitas do
estado. Felizes dos homens dessa região, pois para cada homem,
existem nada mais nada menos que três belas mulheres. Abriga de
maneira geral uma Playboyzada, na grande maioria filhinhos de papai. É importante citar também bairros nobres existentes, onde se encontram belas praias, tais como: Icaraí (Onde
localiza-se o Museu de Arte Conteporânea), São Francisco, Piratininga, Camboinhas e Itacoatiara. Porém, como nem tudo são flores é preciso prestar atenão nos lugares sombrios tais como Fonseca,
Barreto e Cubango, onde também é bom esvaziar os bolsos antes de passar pela região.

2 - Ilha do Governador
Lugar de bairros luxuosos, porém boa parte de toda região é uma
grande favela. Mas vale lembrar também o que cerca boa parte da
região, que são suas belas praias. Quem passa por uma delas sente o
cheiro daquela catinga braba. Mas acreditem existem muitas pessoas que
ainda tem coragem de se banharnas águas podres do local, compartilhando o espaço com pneus, defuntos,
garrafas plásticas e principalmente muito cocô.

IV - ZONA FORA RIO (DECADÊNCIA TOTAL)

1 - Duque de Caxias
Quem inventou de homenagear o patrono do Exército Brasileiro com
certeza não imaginava a grande sacanagem que estaria fazendo com o
coitado. Caxias é nacional e internacionalmente conhecida devido ao
seu ponto mais famoso (quem nunca ouviu falar do) LIXÃO DE CAXIAS, um
aterro em Jardim Gramacho que é pra onde vai todo nosso lixo. O que
faz boa parte das pessoas que não são do local irem lá ? Essa é fácil
de responder: Seus mais de 500 desmanches de carro.

2 - Nilópolis
Local que é uma grande roça. Dona de um dos maiores tráficos de
drogas do estado, conhecido pelo grande número de assalto a carros e
grandes tiroteios. Geralmente pessoas sequestradas são deixadas
(vivas ou mortas) por aquelas bandas com a certeza de que os vivos
demorarão a encontrar uma saída e os mortos dificilmente encontrarão
o caminho para a outra vida. Como nada está 100% perdido, fica em
Nilópolis a Escola de Samba da Beija-Flor.

3 - Nova Iguaçu
SESC de Nova Iguaçu é o point. Onde essas pessoas iriam um dia poder
entrar numa piscina e assistir um show nessa vida se não fosse esse
nobre clube? E ainda mais de graça. Possui um grande shopping que é o
único local do município que possui ar condionado, podendo assim se
refrescar nos dias de calores infernais.

4 - São Gonçalo
Ninguém mora em São Gonçalo já que os próprios moradores de lá,
envergonhados, se declaram habitantes de Niteroi. Quem conhece o lugar
sabe que não se pode condená-los por isso. É uma verdadeira
balbúrdia, sem qualquer estrutura. Paraíso de políticos corruptos,
gente feia e brega. Seus bairros principais são Alcantara, Boa Vista,
Jardim Catarina e Galo Branco, serviu de inspiraão para a expressão:
Terra de Marlboro.

5 - Itaboraí
Isso só pode ser piada !?!?!?
Go to Top of Page

federico
Admin

Status: offline


2189 Posts

Alert Moderator

Spedito - 07/03/2005 :  16:54:39  Mostri Il Profilo  Membro Maschio  Inviar un messaggio AOL! per italioca  Rispondi con citazione
http://www.riodejaneirovirtual.com/mapaaereo.html

E' un link veramente bello, permette di vedere alcune foto panoramiche della Cidade Maravilhosa.
 Moderatore VIP Go to Top of Page
  Previous Topic Topico seguente pagina  
 NUOVO TOPIC? |  RISPONDI AL TOPIC? |  Bookmark Topico |  Modalità stampabile
Salto a:

Brasil&Italia © 2002-03   
    Pagina generata in 0,48 secondi.
Miglior visione con Explorer 5, 800x600
Powered By: Snitz Forums 2000 Version 3.4.03